Muzland.es en Facebook

Eurovisión
Filipa Azevedo

Há Dias Assim

Cambio de tono

C C# D Eb E F F# G G# A Bb B
 
 

Letra

 
 
 
 

© Compilador: Anton Gavzov (https://Muzland.es)

Letra e música de Augusto Madureira
Portugal / Eurovisión 2010


Há dias assim,
Que nos deixam sós.
A alma vazia,
A mágoa na voz.
Gastámos as mãos,
Tanto as apertámos.
Já não há palavras,
Foi de tanto as calarmos.

Chorus:
     Há uma canção
     Que não te cantei,
     Versos por rimar,
     Poemas
     Que nunca inventei.

     Quem nos pôs assim?
     A vida rasgada.
     Quem te me levou?
     Roubou-me a alma,
     Mas de ti não sabe nada.

Há dias assim,
Não há que esconder.
Recear palavras,
Amar ou sofrer.
Ocultar sentidos,
Fingir que não há.
Há dias perdidos
Entre cá e lá.

Chorus:
     Há uma canção,
     Que não te cantei,
     Versos por rimar,
     Poemas
     Que nunca inventei.

     Quem nos pôs assim?
     A vida rasgada.
     Quem te me levou?
     Roubou-me a alma,
     Mas de ti não sabe nada.

   Sei que um dia
   Saberás
   Que a vida é uma só
   Não volta atrás.

     Quem nos pôs assim?
     A vida rasgada.
     Quem te me levou?
     Roubou-me a alma,
     Mas de ti não sabe nada.
 
 
 
 
Las veinte mejores Las veinte mejores Imprimir
 

 

 


 

 

 

 

Estadística Publicado el 19.03.10
Visto 38638 veces
Transpuesto 21947 veces

Filipa Azevedo - más
  1. Acordes
  2. F
  3. Filipa Azevedo
  4. Há Dias Assim (Letra)
  1. Acordes
  2. E
  3. Festival de la Canción de Eurovisión
  4. Há Dias Assim (Letra)